14

29, um número e tradições.

Existem tradições que dão raiva, por exemplo esperar todo mundo chegar pra começar a comer quando vc eh o primeiro e está morrendo de fome. Outras dão uma sensação muito boa de pertencimento, como por exemplo algum toque de mão tipo “e aih mano” usado muito no capão ou aquele que vc ‘cruza os dedinhos’ dizendo somente pra pessoa que vc está cumprimentando que vc eh desbravador meio que secretamente (pq todos ao redor não percebem pq eh interno a palma da mão, ateh pq acho que no fundo mesmo que estivessem olhando duvido que reparariam, ateh pq alguém repara no toque da mão de alguém?..rs), existem tradições caras e trabalhosas (tipo comprar e preparar a arvore e ceia de natal pra 29 pessoas da sua família e amigos que vc vê somente uma vez por ano e que demora 16 horas pra preparar, 16 minutos pra todo mundo comer tudo e mais 16 horas pra arrumar toda bagunça), existem tradições bestas (eu inventei uma vez de comprar sorvete de palito na 1ª parada pra todas as pessoas que estivessem comigo numa viagem e fiz disso uma tradição, até o dia em que viajamos de ônibus em excursão com 80 pessoas e um amigo que sabia da tradição contou pra todos e tive que gastar todo o dinheiro do meu salário de adolescente pra ‘cumprir a tradição’), e existem tradições que dão preguiça, sabe aquelas que vc resolve fazer uma vez, faz a segunda e quando percebe já virou uma tradição que se vc não fizer as pessoas ficam te cobrando e esperando que vc faça, sabe aquela louça de sábado que vc lava no primeiro sábado, no 2º vc acha, de boa fé que não custa nada dar uma lavadinha e quando vc menos percebe no 3º sábado todo mundo vai conversando e indo pra sala te olhando de canto de olho pra ver se ‘vc não vai cumprir sua obrigação’ de lavar a louça que todos sujaram, pois eh, e é nesta categoria que se encaixa este post.

Há 2 anos atrás eu inventei de dar um “presente” pra minha irmã publicando um post secreto de aniversário, já que ela estava longe e eu tava sem grana pra mandar um presente caro a distância, no ano seguinte, depois de o Marcão (leitor deste blog e amigão das antigas) me cobrar, pra ‘manter a tradição’ eu fiz outro post, desta vez em forma de poesia brega no ano passado e este ano, ao acordar minha irmã com a tradicional ligação matinal de feliz aniversário, obviamente eu escuto “cadê meu post de aniversário?” e mais uma vez cá estou eu, com preguiça, mas ‘cumprindo a tradição’, desta vez com o tema em homenagem ao número de anos que minha irmãzinha tão eloquentemente completa neste 16 de março de 2010.

29 fatos sobre a Keiko:

1) Ela é a número 1 em várias coisas: Foi minha 1ª irmã, foi a primeira a me dar sobrinho e sobrinha, foi a 1ª a fazer faculdade federal, foi a 1ª da família a morar no Canadá, é a Número 1 em tonteira, inquestionavelmente.

2) É o número mais importante que ela já fez, pois são 2 os filhos mais fofos, espertos e legais que existem, daqueles que cantam “quando surge o alvi-verde imponente” sempre que percebe que é o tio palmeirense que tá no telefone ou daquelas que conseguem ter a bochecha mais “vou apertar até esmagar completamente” quando dá um sorriso banguela.

3) Horas da manhã (com o fuso no Canadá é 1:00a.m.) é o horário padrão para nossas ligações. Seja pra eu pedir idéia pra um acampamento, seja pra pedir ajuda$ pro Johhny, seja pra ela me pedir idéias pro congresso ou pra ela me contar a última história engraçada das tiradas espertas do Zack e da cara de besta do Johnny.

4) É o número de ‘lugares sagrados gastronômicos’ que a Keiko tem que passar aqui em Sampa logo depois de pousar o avião por aqui. São eles: (na ordem e com o item adquirido): Lima da pérsia e manga da banca de frutas da sumaré, mousse de chocolate branco do amor aos pedaços, torta de limão da galeria dos pães e raviolli verde do Rascal.

5) É o número de filhos pretendidos pelo casal (leia-se Johnny e tios) para sempre ter um time de basquete ou fut de salão a postos sem precisar chamar os amigos.

6) É o número de línguas que ela fala (ela odeia que eu fale isso, pq eu incluo libras em portugues e inglês alem de português, francês, inglês e espanhol que ela enrola) mas eu acho o máximo ter uma irmã poliglota e que odeie..rs

7) É o número da perfeição, e ter 2 filhos, fazer doutorado, morar em outro país e ainda agüentar ter eu e o Dadá como irmãos e principalmente o Johnny como marido faz ela talvez até não ser perfeita, mas chegar bem perto disso.

8) É o número de DVDs e CDs que ela já gravou, incluindo as da Zilda canta com crianças, da Banda jovem, da Turminha Ka entre nós e o do Uniarte.

9) É o número preferido do Larry e isso por si só se basta.

10) É o número de presentes sem ser de comer (como por exemplo o livro que conta as histórias da músicas do Chico Buarque que eu comprei com meu irmão há 3 meses atrás e a gente ‘economizou’ pra esta data) que eu vou dar pra ela a próxima vez que eu encontra-la (que eu espero que seja antes do próximo aniversario), já que os do natal sobraram pq eu não consegui embarcar.

11) É o número de presentes comestíveis brasileiros (entre eles passatempo recheada e eggsponge) que ela vai receber, ficar feliz a beça mas fingir que fica brava falando assim: “droga, agora vou ter que engordar” como se a partir daquele momento estes itens tivessem acabado com o regime que ela ‘começa’ toda segunda.

12) Era o número de apóstolos que minha irmã cantava no primeiro solo que eu lembro dela cantando, com aquele vestido listrado temático e sandália de dedo.

13) Por motivos supersticiosos este número foi excluído da lista.

14) mil é o número máximo de minutos que alguém consegue ficar sem comer, de acordo com o guiness. A Keiko nunca testou este fato, definitivamente.

15) Foi a idade que ela tinha quando teve a festa mais ‘grandiosa’ de aniversario, com direito a ser debutante de vestido creme, laquê no cabelo, bolo com glacê, valsa e champagne sem álcool que na época era lançamento.

16) de março, ou seja ontem, é a data oficial do aniversário dela, caso algum desavisado não entenda nada do que ta acontecendo aqui.

17) É o número de ‘amigos do peito’ que a Keiko tem, provavelmente se vc teve paciência pra ler este post gigante, vc está entre eles.

Dos 18 aos 29) anos, foi o tempo/idade que minha irmãzinha parou de perguntar de matemática, de com quem devia sair, de fazer planos e projetos mirabolantes e de pedir pra ‘apagar a luz e fechar a porta’ quando ia dormir e saiu de casa para conquistar um casamento, uma faculdade, uma bolsa, um mestrado, dois filhos, uma igreja de brasileiros, um país gelado e uma vida de sucesso e felicidade bem completos mas que faz muita, mas muita falta mesmo deste lado do equador, pros amigos que ficaram, pra igreja, pro vida nova, pra Fábrica, pro Rascal, pra mim.

Espero que daqui a 29 anos nós possamos estar contando mais histórias e aventuras que vivemos juntos e não só ‘ de férias’ pois a vida junto com vc(s) é sempre, sempre mais divertida, profunda, legal, feliz.

Feliz aniversário e ‘vai te lascar’...

Do seu irmao mais velho e maior (difícil isso viu, mas como é raro eu poder falar isso, foi)
Denilson

14 comentários:

Ellen disse...

Ai gente, que fofo!!!! Um presentaço :). Mas merece, acompanho o blog que é sempre uma delícia de ler.
Keiko, Feliz Aniversário!!! Muita saúde, sucesso e alegrias.
Beijos

Mari disse...

Keikoooo, parabéns mocinha querida!
Teu irmão vai ter que rebolar pra se superar na homenagem dos 30, hein?
Tudo de bom, aquele beijos nas crianças, e no próximo ravióli do Rascal me chama, tá?
Beijo!

Keiko disse...

Ai gente, quem tem irmaos como os meus eh muito sortudo mesmo. Eu vivo falando que eles sao as pessoas mais importantes da minha vida, tem gente, que nao se da tao bem assim com seus irmaos, que nao entede, mas nos 3 somos realmente os 3 mosqueteiros! - Cliche, mas tao real.
Um faz post surpresa, o outro faz bolo e janta...amo muito esses 2!
Obrigada irmaozao e irmaozinho!

Lilian disse...

Realmente quem tem irmãos assim está feito na vida!! mas também, parece que eles são bem sortudos de ter vc como irmã, né? (nem que seja por causa das ajuda$ do maridão q vc escolheu, brincadeirinha... :-).

Daqui 1 semana e meia tamos aí, espero q dê pra nos encontrarmos de novo. Beijin...

Lucy C disse...

Parabens Keiko!!! um grande abraco e que Deus continue abencoando, sempre!!!

Flavia disse...

Caracas!
o irmãozinho mais velho arrasou no post! Adorei!
Lindo!!!

beijão

piscardeolhos disse...

Parabéns, Keiko! Vc é do 16, menina! Eu sou do 17. Será que nasce um pessoal mais normalzinho nessa época? Eu nunca vi.
Fofíssimo teu irmão e a relação de vcs 3. Parabéns por isso também.
beijo,
Roberta

Mirian disse...

Primeiro, meus parabéns, felicidades!!!!!!!!!!
Segundo, parabéns pro irmão.
Queria ter um presente destes.
Sucesso.
Beijocas
Mirian
(mãe da Renata- sai da tua terra).

Camila disse...

Que post lindoooooooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!! Nossa! Que família, hein? =D

Parabéns de novo, linda!

***TATTY* disse...

Parabéns Keikooooo...faz tempo que eu não passo por aqui.....
Pelo jeito passei perto do dia certo!! kkk
Seu irmão é um barato...nem lembrava mais que 9 é o número de sorte do Larry...kkk
Esquenta não, quando chegar em motor 3.0 sobe qualquer ladeira!!!
XOXO

Lúcia Soares disse...

Parabéns, Keiko!
Ando sumida, né?
Mas ainda estou pela blogosfera.
Só que nem sei se você passa lá no meu cantinho, que agora se chama "De amor e de...", porque me "enfezei" um dia e troquei o "Um amor de pessoa".
Quando você quiser ou puder atualizar o seu blogroll, tira o "Um amor..." e coloca o outro, tá?
(Fiquei tristinha ao ver que há 4 meses você não me lê, mas depois vi que é o nome antigo.)
Felicidades a você e que esse seu irmão tão bem humorado quanto você continue "invadindo" seu espaço e fazendo a gente rir.
Um beijo!
luciahsoares.blogspot.com

Josi disse...

Parabéns mais que atrasado Keiko, mas parabéns nunca é de mais né?!
Que Deus continue lhe abençoando e que este novo ano possa ser cheio de novas aventuras, desafios, alegrias e tristezas e que a mistura de tudo isso a torne muito melhor e mais forte.

Bjinhos daqui do Brasil carregados de Bis, passatempo recheadas e um monte de guloseimas que nos dão a maior força nos momentos onde engordar é o que menos importa.
T+

Claudia disse...

Parabéns atrasao Keiko...Adorei os posts!!! Seu irmão é um barato!!!

Alexandra Sá disse...

é Keiko quem conhece o Denilson, sabe que a cabeça dele é pequena para tantas e tantas idéias incríveis que não param de surgir da mente deste rapazinhdo de olho puxado, ele realmente é D+, só quem conhece o Denilson sabe o que é superar o que conhecemos de criatividade !
Parabéns atrasado e parabéns pelo irmão que realmente é uma mente brilhante e um coração gigante!

Alexandra Sá