7

? . ...

Sempre acontece:

- Mas você faz o que mesmo nesse doutorado, Keiko?
- Faço pesquisa.
- Você pesquisa o quê?
- Estou pesquisando quais são os fatores que determinam a participação em atividades de lazer e qualidade de vida de adolescentes com paralisia cerebral.
- Ah...

***************
Carinhozack dá um abraço apertado em Fofuchina e depois a solta, fazendo-a cair no chão:

- Filho, você não pode soltar a irmãzinha assim de uma vez, se não ela cai.
- Tem que soltar de duas vezes, mamãe?
- ...

***************
Conversa com pessoas que tem empregada, ou não têm filhos, ou têm trabalhos com hora pra começar e terminar:

- Mas você teve dois filhos no meio do doutorado? E cuida da casa? Como você consegue?
- Pois é, sei lá, a gente vai indo.
(conversa vai, conversa vem...)
- Mas cuidar de casa é uma loucura, por exemplo, outro dia quando eu estava limpando o rodapé...como você faz pra deixar o rodapé branquinho?
- O rodapé?? Sério? Branquinho? Hum...

7 comentários:

Thiago disse...

Pra mim tá ótimo!
E nem pergunta pra gente aqui de casa como o rodapé fica branquinho porque, na verdade, a gente nem sabe onde fica isso :)

***TATTY* disse...

Limpar rodapé? Isso é coisa de gringo....vou até ver se o meu tá sujo...kkk
XOXO

Lucy C disse...

Coisa de super mae, ne'? hoje mesmo estou estudando pra prova de cidadania (nossa, como e' estranha essa palavra em portugues), e fazendo um poster pra apresentar num congresso, amanha vou pra Pittsburgh (4 horas daqui), no dia seguinte pra Harrisburg (3 horas daqui), isso amamentando e fazendo janta pra dois adolescentes cheios de atitude. Never a dull (sp?) moment.

.Mariana.Daniel. disse...

Também desconheço essa parte da casa chamada rodapé!

Faz tempo que não comento por aqui, mas continuo adorando seus posts!

Bjs,
Mariana

Priscilla, Mauricio e João Pedro!! disse...

Ola Keiko,

Comento pouco por aqui, mas hj depois de ler seu post e constatar que os meus rodapés estao sujos (coisas do tipo poeira, marca da bicicleta do filhote) resolvi deixar um comentario para ser solidaria a vc, rsrsrs... Como nao vou ter tempo de limpa-los estou pensando em colar a materia da minha prova de 5a ou os 5 artigos que tenho que ler ainda esta semana, assim estudo e nao vejo a sujeira ;-)
O que vc acha?
Bjinho,
Pri.

Camila disse...

Post incrível!

A gente se acabou aqui com a resposta de Zack de soltar Nina em prestações. ahahhahaha Cabeça de criança é um troço lindamente doido!

Olha, esse negócio de rodapé branco é uma das maiores babaquices. Por que raios esse povo não faz que nem a gente e põe rodapé de madeira? Não dá pra entender...

E essa história de não ter empregada, ser doutoranda e ter dois filhos pequenos... VOCÊ É MINHA HEROÍNA (odeio esse nome. Parece que tô te xingando de uma substância química ilícita. É elogio verdadeiro, tá, miguxa?)!!

Agora, o que eu mais amei - porque fiquei super tocada - foi o seu trabalho de pesquisa. QUE LINDO, KEIKO! Parabéns! Ser adolescente com saúde já é uma tortura, imagina ser um adolescente com paralisia cerebral. Nossa Mãe! A gente tem muita sorte, viu? Parabéns! Achei lindo mesmo!

Beijo nos 4 lindos!

Lúcia Soares disse...

Correndo. Adorando. Beijos