9

Segunda-feira??

Post que deveria ter sido publicado ontem. Vide explicação de rodapé.
*****************

Hoje eu tinha que dar uma aula de manhã. Fui, a aula foi boa, os alunos fizeram perguntas, trouxemos uma família para falar sobre o que os terapeutas devem pensar sobre o que
é realmente importante sob a perspectiva dos pais e cuidadores dos nossos pacientes, todo mundo saiu feliz.

Saí da aula, entreguei pessoalmente uns documentos que estava enrolando para colocar no correio há semanas (e que incluiam minhas impressões digitais - achei super divertido tirar minhas digitais, Zackolino então ficou maravilhado com o processo, apesar de contrariado porque a moça não quis tirar também as impressões dele ), para ter acesso à base de dados do "Estatística Canadá". Sensação de dever cumprido e mais uma etapa da minha pesquisa que vai pra frente.

Almocei com uma amiga que ia assinar como "guarantor" (agora pegou...não sei como traduzir isso, não é testemunha, mas é alguém que garante que o menino da foto é o menino do nome, sabe como é?) para o novo passaporte canadense de Velhack. O almoço foi bom, e como ela está grávida e queria sobremesa, eu tive que acompanhá-la. O que eu não faço para satisfazer os desejos de uma amiga grávida, até comer sobremesa eu como! Em plena segunda-feira de começo de regime.

Como eu nunca ando pelo centro da cidade e já tinha estacionado o carro mesmo, resolvi dar uma andadinha em umas lojas, para ver se achava alguma coisa para vestir nas inúmeras celebrações de fim-de-ano que vêm por aí e para as quais eu nunca ia ter tempo de comprar nada proque cá pra nós, "fazer compras" pra mim ultimamente é sinônimo de frutas, verduras e carrinho, não roupas. Achei umas coisinhas daquelas que enganam e escondem a pança enquanto checava meus emails de 5 em 5 minutos para garantir que um pouco do meu serviço ia ser feito e ninguém ia notar que eu estava cabulando o trabalho para fazer compras. Deu certo. Se a moda pega e eu me acostumo... um perigo.

Em meio aos emails de trabalho recebo um assim:
"Convite para participar de um evento"
Evento: Estréia do LOST
Data: 2 de Fevereiro de 2010
Onde: Na casa da Keiko, é claro!

--> Então, a Keiko sou eu, vocês sabem. Há de se amar os amigos da gente.


Era meio da tarde então decidi que não valia mais a pena ir para o hospital, melhor ir pra casa e levar todo mundo para tomar a tal da vacina que estivemos procrastinando em meio a muitas ponderações. No caminho, Chico cantando pra mim no iPhone, passei e tomei um capuccino na minha padaria preferida. Passei na escolinha para pegar Zackolino que deveria estar dormindo naquela hora, mas que não estava, e veio correndo pulando no meu colo e me dando um abraço daqueles de matar qualquer um de alegria.

Cheguei em casa, saímos rumo à vacina, mas o nosso posto de vacinação estava fechado bem hoje. Sem estresse, quem já adiou 2 semanas, adia mais um dia. Voltei pra casa, acabei de arrumar a janta que estava pré-pronta desde ontem: salada de grãos de trigo com castanha e molho de iogurte, berinjela assada e arroz integral com abacaxi. Sério, eu não tenho a menor vocação pra Julia, mas essa comidinha estava assim...hum, sabe como é? Do tipo que faria Ana Maria Braga passar por baixo da mesa (eu sei que o trocadilho é velho, mas Oh Ceus, tem coisa mais brega do que isso? Ela ainda passa por baixo da mesa?). Quando você acha que depois deste dia está apta a começar um novo programa de culinária, tipo: "Se eu faço, você também faz!", com todos aqueles potinhos com as porções certinhas e coisas que ficam sempre lindas no final. Aprovado e repetido pela minha sogra, pra não dizer que minto sozinha.

Marido parte com sogra e filho para aula de ginástica, eu fico aqui com uma Gostosina que solta gargalhadas de tirar o fôlego ao descobrir que o saquinho de lencinho de papel está escondido na minha blusa. E tira o saquinho e morde. Eu escondo o lencinho ela faz cara de indignação e não entende aonde ele foi parar. E finalmente acha o lencinho e se estrebucha de rir. Afinal, quem precisa de brinquedos?

7:46. As duas crianças dormem, devidamente alimentadas, dentes escovados e eu aqui, blogando. Só falta agora tomar meu banho, fazer a unha e ir dormir com o sorrisinho que esteve no canto da boca o dia inteiro. Ou melhor, deixa eu dormir logo antes que algum avião caia aqui no prédio. Viu Garfield, e quem disse que segunda-feira não pode ser perfeita?

*******************

Gente, parece piada mas enquanto eu estava "Googlando" uma foto do Garfiel pra colocar no post, de repente Nina acordou aos berros, Zack acordou em consequencia, os dois com fome (o menino é mesmo igual o da propaganda do rabanete, sabe qual?) Esfomina querendo peito e Esfomiack querendo...arroz integral com trigo! (ele já tinha batido um pratão antes de dormir) A despeito das minhas ofertas de morango com iogurte, creminho de abacate...enfim, vai entender. A paz passou por um instante, mas tudo bem, ficamos assistindo a semi-final de "Dancing with the stars" juntos, historinha e cama de volta...momento no qual eu capotei junto com eles e só acordei hoje, atrasada, janela do blogger aberta no computador. E tudo começa de novo.



9 comentários:

Thiago disse...

Olha, pra mim tá tudo ótimo!
Mas hoje nem vou comentar muito, porque tenho culpa no cartório :)
Bjs!

Sandro disse...

Keiko,

Eu ia te perguntar como seus vc consegue fazer as crianças dormirem as 7:45... aí eu li o final do post e vi que criança é tudo igual!!!

Sandro
Os patos migram em bando

Inêssa disse...

amo ler esses posts. Amaria a possibilidade de uma segunda-feira tão milimetricamente perfeita. Amaria poder comer sobremesa (que está temporariamente suspensa aqui em casa). Amo abraços apertados. Amaria que bernardo dormisse às 7:46. Última temporada de Lost? Tô dentro! E capotar na cama com meu pequeno que luta contra o sono? Bem vinda ao meu mundo!

piscardeolhos disse...

eu vez em quando leio as suas correrias e andanças e penso good lord, como ela dá conta? pois eis que agora estou grávida do segundo e o primeiro tem apenas 1 ano. não sei se vou dar conta, não com essa coisa de creme de abacate e tudo.
beijo, sorte por aí, viu menina?

Lúcia Soares disse...

Isso é que é bom: cansada mas feliz! Bj

Tutuka disse...

Keiko,
Eu queria dizer que sou sua fã. Adoro ler o seu blog e as peripécias dos seus filhotes. Também moro em Montreal e há muito tempo acompanho seu blog!
Você escreve muito bem e fico esperando seus posts ansiosamente. Sempre fico na dúvida se faço algum comentário ou não, mas resolvi fazer esse para que você saiba que você tem fãs. Não deve ser fácil ser mãe de dois, imigrante, blogueira, esposa e doutoranda. Um abraço!

bibi move disse...

keikinho,
a ver pelo se brógui e pelo meu depois dos comps a gente abandona o mundo internet praticamente de vez né?
saudades
bjs
bb

Claudia disse...

Tudo perfeito!!! Já falei que adooooro ler seus posts?

Lúcia Soares disse...

Keiko e família: Desejo a todos um FELIZ NATAL!
Beijos!