16

A vida imita a bolsa

Já aconteceu de você decidir trocar de bolsa, e depois de tirar todos os items necessários (leia: cateira, necessaire, celular, chave, laptop e seu cabo, pendrive, fone de ouvido, estojo) a bolsa anterior ainda parecer muito pesada e você então decidir dar só uma olhadinha no que tem lá dentro e achar dentro dela:
- Uns $20 em moedas espalhadas pelos mais diversos compartimentos,
- Aquele pendrive que você já tinha dado por perdido há muito tempo,
- O batom que veio na necessaire da promoção e que você tinha culpado as crianças por sumir com ele,
- 2 kiwis,
- 1 piranha de cabelo (ufa, hein? Se fosse piranha de rio a coisa ia estar realmente feia) com 3 dentes quebrados,
- Remédio pra alergia dentro e fora da cartela,
- 1 conta de cartão crédito (atrasada, obviamente),
- Elásticos de cabelo,
- Pacote de lencinho de papel todo amassado e cheio de sujeira (sujeira da bolsa, pelo menos não do nariz),
- Pedaços de biscoito das crianças nos mais diversos estágios de decomposição,
- Cartão daquela professora de música que você queria ter chamado pra tocar no aniversário da filha (que foi há 2 meses),
- Creme pra área dos olhos,
- Tubo de creme semi-vazio roubado de algum hotel,
- Tampas de canetas diversas,
- Canetas diversas que não pertencem às tampas
- Saquinho Zip com creme de mão, gloss e rímel que você tinha tirado da necessaire pra passar na segurança do aeroporto há um mês (e que não achando-os dentro da necessaire mais tarde, substituiu por outros)
- Clipes e outras miudezas (adoro essa palavra! Que alegria poder usar! haha)
- Tampa do tira-manchas-portátil que você tinha procurado pela casa inteira

Sério gente, eu estou, pasma, literalmente descrevendo os items que agora estão na minha mesa, saídos desta bolsa que eu ia botar no armário, vazia, assim pensava eu. As vezes eu fico com medo de mim...

...nunca aconteceu com você? Alguém?? Por favor, não me deixem sozinha aqui, varrida embaixo do tapete.

Espero que isso explique um pouco o porquê da minha ausência e do atraso já nem contestado do post de 4 anos do Zackolino.

Por isso hoje fomos à praia, ouvi dizer que era terapêutico, ainda que seja praia de rio.

***************
PS - Meninas e meninos, um monte de gente tem me perguntado da Flávia, do Crônicas do Ilgu, que sumiu há 4 meses e nunca mais voltou... então, gostaria muito de ter notícias pra dar, mas não tenho!! Como vocês tem percebido ultimamente eu custo ter notícias de mim mesma... Se alguém souber do paradeiro da moça me avisa, tá?


16 comentários:

Priscilla, Mauricio e João Pedro!! disse...

Oi Keiko,
E nenhum carrinho, brinquedinho de nenhuma especie???? Na minha bolsa ja achei até areia do parque, rsrsrs.

Coisas de mae, rsrsrs

Pri.

Paula Regina disse...

não esquenta que você não está sozinha não! Já perdi as contas de quantas vezes dei por perdido algum batom de determinada cor, cheguei até a comprar outro, e como em um passe de mágica lá estava ele em uma bolsa que eu jurava ter esvaziado há meses:)
bjs

Anônimo disse...

E da Sandra e do Evaldo, do Bienvenue chez Sandra e Evaldo? Eles colocaram o blog somente para convidados e desde então não tenho mais notícias!

Amanda Lima disse...

Não achou nenhum bico e nenhum brinquedo? IIIhh, aqui em casa já achei até grão de feijão(mas como???) dentro da bolsa...
Mas o record foi o controle da tv, que desmontamos a casa pra achar, e no outro dia, quando tirei tudo pra achar o pen drive, tava lá o controle, que eu tinha levado pra comprar um igual e não lembrava...
Mãe é mesmo tudo igual, até na bolsa!

Beijos

Lucianna disse...

Olha, a minha bolsa nao eh muito diferente da sua nao, eu simplesmente jogo as coisas dentro dela, e quanto mais bolsinho mais bagulho, mais papel, mais caneta.. E olha que nem tenho filhos... Agora lendo o seu post fiquei ate com medo de mim mesma.... hehehehehe... Vou tentar manter a minha bolsa mais arrumada, pois se continuar assim quando tiver filhos sera mais facil sair com uma malinha de mao!

Bjks

cecisantiago disse...

É isso aí...faltou chocolate derretido, bombom amolecido e formigas (hein? pois é...), e mais um tanto de tranqueiras que nem vale a pena relatar kkkk! Seja bem vinda ao mundo dos achados e perdidos dentro das bolsas...Mil beijos, Ciça

Laila disse...

Nossa, que alívio! Não sou a única!!!

K.K disse...

Bom...!
Pra ser sincera, acho que toda Bolsa de mulher é assim. Só que pensando bem...eu uso duas, o que significa que o caos é brabo...Meu companheiro pede pra eu pegar a chave do carro uma hora antes de saírmos. (Na minha ainda é possível encontrar mais de uma dúzia de notinhas de supermercado, comprovantes de compras no cartão e é claro alguns objetos que eu nem lembrava que tinha).

Como é bom arrumar a bolsa.rsrrsrsrsrs

Bjus.

www.eueranormal.blogspot..com

Lilian disse...

Ah.... bolsas!!! E está bem na hora de eu comprar uma outra. Não quero nem ver como vai ser a mudança. Mas já tenho esvaziado aos poucos, porecisando de ir pra lá e pra cá com a bolsa nessa mudança. Bom, acho que a gente deveria mudar de bolsa com mais frequencia pra poder arrumar as bagunças, né?

AH, e o post dos 4 anos do meninão?

Lilian disse...

P.S. vc conheceu o meu sobrinho mais novo (até chegar o Noah e a irmãzinha do sobrinho) esse findi? Espero q sim, é muito fofo.

Camila disse...

HAHAHHAHAHAH

Miguxa, infelizmente nessa não posso te apoiar, pois minha bolsa é um primor! ;o)

:) Família Feliz :) disse...

Todas as bolsas são mais ou menos assim, muitas vezes bem pior... mas você não conhece minha filha Bruna, 19 anos, mmmuitas bolsas e que são trocadas várias vezes no mesmo dia, uma pro ballet, uma pro cursinho,pra ir na casa da amiga, uma pra sair a noite...imagina só tudo de Bruninha em todas as partes! e nada no lugar certo!nunca! no vestibular eu tomo os documentos dela que ficam comigo até o portão de entrada da universidade...é o jeito!
Mesmo assim ela é linda...

:) Família Feliz :) disse...

Ainda sobre o post anterior, lá no meu blog marcava uma mensagem nova que vc postou, até aí tudo bem, só que eu não conseguia visualizar, então, eu que sou uma sumidade em blogs,chamei meu caçula pra me ajudar,ele chegou deu umas clicadas e me disse:
Mãe tá vendo aqui? é pra quem merece e pelo visto vc não tá merecendo...mas eu gosto que vc olhe meu orkut!
e foi embora curtir a música dele.
Pensa só, euzinha lá murchinha... agora é que eu te entendi e já ri muito kkkkkkkk

Anônimo disse...

Olha, as únicas coisas que ainda não achei na minha bolsa é conta de cartão de crédito (e só porque não uso cartão de crédito!!) e 2 kiwis!

Silvania disse...

Passei por acaso aqui. Adorei o seu blog e também vi sua preocupação com a mocinha em questão.
Parece que ela foi passear por aqui, no Brasil. Ela está bem, pelo menos é oq parece, pois ela continua respondendo as perguntas que fazemos em uma comunidade que participo.

Parabéns pelo blog e continuarei passando por aqui.
Silvania.

Alexandra Sá disse...

hehehehe realmente nós mulheres temos um item inseparável, a bolsa é quase uma bat caverna, onde se encontra um pouco de tudo..meu marido se recusa procurar alguma coisa dentro dela, e não posso culpá-lo, já tentei várias vezes manter organizada e quando menos vejo, já está cheia de tranqueiras novamente....rs...

mas fazer o que impossível viver sem elas !! rsrsrs

não está só....rs...

abraços !
Alexandra Sá