9

Sai desse corpo que não te pertence!

Quando seu bebê tem 3 meses e 6 kilos e logo, você não consegue carregá-la mais o tempo todo no sling e logo, você não tem mais aquele artefato natural de escondimento de banhas.


Quando você vai brincar no parquinho com seu filho e quer mostrar pra ele, crente que é a Nadia Comaneci, como virar cambalhota na barra de ferro, como você sempre fez a vida toda, mas não consegue porque simplesemente você não tem mais nenhum músculo que o valha na sua região abdominal.


Quando você sai só com seu filho e dentro do elevador o vizinho incoveniente querendo puxar assunto solta esse comentário inocente: "Que menino bonito! E já tem outro a caminho?!" (inocente nada! Acha que me engana com aquela cara de velhinho bonzinho, mas enfim...se é pra puxar conversa fiada que fale sobre o tempo, não?!).


Quando te convidam para um "playdate" no parque aquático e você pensa em dizer que a cicatriz da cesárea ainda não fechou, que sua religião não permite, que seu filho tem alergia a cloro, que você tem medo de micose e ainda pensa em comentar que leu um artigo sobre aumento do risco de gripe suína em frequentadores de parques aquáticos, mas na verdade você só não quer ir porque...sei lá, pode ser meio esquisito ir pra piscina de calça e blusa comprida.


Quando você vai passear no parque e enquanto sorri simpática para as passantes com filhos, no fundo você só fica olhando e pensando: Essa tá mais gorda, ufa!...Essa tá mais magra...mas o nenê é mais velho!...Essa tá enorme e só tem 1!...Essa tem 3 e barriga chapada?!Certeza que fez lipo, ou é daquelas que é magra de ruim, vai morrer seca mesmo, sem graça, aposto que queria engordar e não consegue!


Quando você se vê ameaçando seu marido pelo último pedaço de sorvete (que você já tinha comido inteiro sozinha e ele só pediu um pedacinho) ou convencendo seu filho que o bolinho "estava ruim mesmo" por isso você não esperou até que ele descesse do escorregador para lhe dar um pedacinho.


Quando tudo isso acontece...é meus amigos, é tempo de tomar vergonha na cara e começar a fazer alguma coisa. Ou mandar matar essa solitária que me manda comer desesperadamente tudo que eu vejo (e até o que não vejo pela frente). Gente, que fome!!! E não venha me dizer que só amamentar emagrece porque essa aí eu já testei. Amamentack mamou até 2 anos e eu não perdi um mísero grama. Amamentina mama tanto que toda vez engasga, está cheia de dobras, gorda e gostosa e eu...idem! Ah sim...atividade física? Parar de comer besteira? - Isso é para os fracos. Eu vou inventar a pílula mágica que todos aguardavam. Ou ressucitar Botero porque esse sim sabia das coisas!

9 comentários:

Paloma, a mãe disse...

Ai, invernte logo essa pílula mágica porque atividade física a minha religião não permite e meu metabolismo começa a dar sinais de que quer viver à la Caymmi (et moi aussi).

Tata disse...

Grande Botero!!!

Camila disse...

Que vizinho imbecil!!!!!

Roberta disse...

Hahaha... adorei seu post. Também não emagreci durante a amamentação e fico até com raiva de quem fala que amamentar emagrece. Eu tinha uma fome louca quando amamentava e comia aqueles almoços de pedreiro. Só consegui emagrecer na base das drogas pesadas (remédio acompanhada por um médico). Depois de muito tempo é que consegui entrar nas calças de antigamente. E também ficava olhando as outras mulheres e pensando: nooosssa, o filho dela é mais novo que a Luísa e ela já está assim...
Parabéns pelo blog.
Também tenho um sobre maternidade & afins, e se quiser visitar será muito bem-vinda. www.meuprojetinhodevida.blogspot.com
bjs,
Roberta

Lucy C disse...

Eu entendo esse post, palavra por palavra, hehehe... e
amamentar da' a maior fome, 10 vezes mais que gravidez! e' meia noite aqui em casa e estou pensando em ir la' em baixo e procurar calorias... quem sabe um bolinho? hehehe
vc ja' leu o livro High Raw? Eu li e estou comecando uma reforma seria nos meus habitos alimentares. Decidi voltar a ser vegetariana, mas vegetariana seria dessa vez...Va' em rawreform.com e leia o testemunha da Angela, eu comprei o programa de perda de peso dela... se quiser ver os videos pra perda de peso (de graca!), eu te dou a senha da minha conta... quem sabe fazemos juntas!

Claudia disse...

Putz, padeço do mesmo mal...mas meus filhos estão com 13 e 15 anos...Esperança?!!

LuLu disse...

Olha.. tirando a parte dos filhos eu fico sò secando as passantes que nem voce: Essa tá mais gorda, ufa!...Essa tá mais magra...Essa tá enorme!...Essa tem barriga chapada?! Certeza que fez lipo, ou é daquelas que é magra de ruim, vai morrer seca mesmo, sem graça, aposto que queria engordar e não consegue!
HAHAHAHAHAHAHA!!
Bem lembrado... Sao Botero... Ai..
Vou jà olhar umas obras dele pra me sentir melhorzinha, porque afinal.. nem desculpa de filho eu tenho.

roberta75 disse...

Eu engordei taaaaanto, mas taaaaanto na minha gravidez, que acho que os tais de triglecídeos entraram no meu cérebro e provacaram uma sensação constante de DENIAL: pari, e depois de uma semana virava pro meu marido e dizia "noooossa, amor, olha como eu já emagreci", "incrível como amamentar emagrece, amor, olha só, já tô voltando". Ele não respondia, só ria um risinho nervoso. Até que um dia, o Noah já estava com uns 3 meses, uma amiga tirou uma foto minha e veio me mostrar (meio que dizendo "se liga, porpetinha"). Menina, a hora que eu me vi na foto, parecia filme de terror "aaaaaaaaaaahhhhhhhhh, não pode ser, não pode ser". Fiquei tão histérica que tiveram que me dar água com açúcar (o que eu prontamente aceitei, junto com um chocolatinho...). Um deleite, seu blog. Entre uma mamada e outra dá uma olhada no meu ó http://roberta75.wordpress.com/

Beijos xx

Deby disse...

e eu q nao tive filho ainda e ja tenho banha sobrando na barriga??
q dizer??....rsrs
Inventa que eu compro.
Vou aliar o Pilates com a Massagem Linfatica. Se funcionar, te aviso.
bjinhos