3

Mãos ao Alto!

E dizem que país de primeiro mundo não tem violência...
Bom, violência até não tem, de fato, agora roubo...ou eu estou na fatia pequena das estatísticas ou realmente existe uma conspiração cósmica rolando por aí a favor da minha vida sedentária.
Vejam só...
* Verão de 2005 - recém chegada, decidi aproveitar os vários kilômetros de ciclovia aqui de Montreal, comprei uma bicicleta. Fui para a faculdade 2 vezes pedalando, feliz, suada, morrendo, mas feliz - a bicicleta foi roubada atrás do meu prédio, para o escândalo da vizinhança e demais que não julgavam ser possível.
* Inverno de 2007 - decidida a encarar o inverno, comprei um ski semi-novo, grande investimento comparado ao restante do meu equipamento que fora o ski, somava uns $15. Esquiei 2 dias com o mesmo, caindo, gritando, mas novamente...feliz. Até que o maridão, responsável por carregar todos os apetrechos fora o bebê, esqueceu o bendito ski na estação. E o mesmo nunca mais foi encontrado...de certa forma fiquei feliz, afinal de contas, pelo menos não foi o bebê.

Agora pense bem...eu saio do Capão Redondo, um dos bairros com menor IDH e maior índice de violência do mundo, pra ter meu "equipamento esportivo" roubado aqui...ironia...acho que o negócio é arranjar algum esporte que não necessite de equipamento, ou ficar em casa tomando um chocolate quente...é, vou ficar com a segunda opção.

3 comentários:

deby disse...

Meu Deus!! Que horror!! Mas tem q ser assim: manter o bom humor. Assim dá pra ver que não estamos livres de nada em lugar nenhum do mundo. Só Papai do Céu pra nos guardar.
bjocas

Lilian disse...

Realmente essas experiências não foram nada agradáveis, para dizer o mínimo! Mas espero que vc não resolva desistir do ski - é tão gostoso esquiar! Fora que é um bom exercício! Pense bem nos quilinhos q vc iria ganhar com o chocolate quente no sofá!!

Na verdade acho que há forças cósmicas conspirando contra você fazer atividades físicas mais "fortes" :)

Nyrlei disse...

Tomei a liberdade de analisar as estatísticas da 47DP e, de fato, em momento algum da História do Capão Redondo foi registrado um roubo de ski...

Beijo!