6

Cade o nenê que estava aqui?

Existe algum fenômeno que ocorre na vida de um bebê entre 2 anos e 5 meses e 2 anos e 7 meses, que envolve alguém entrando na sua casa na calada da noite e trocando o nenezinho que você tinha por uma criança idêntica, mas cheia de idéias, frases, vontades própria, composições musicais de fazer inveja...algo muito, muito estranho.

De uma dia pro outro Adultack virou uma pessoa. É claro que eventuais crises pra escovar os dentes (e por eventuais leia, 3 vezes por dia) ou quando alguma coisa dá muito errado na vida (do tipo, ele foi tentar abrir a porta sozinho e bateu a porta na própria cara ou quando não consegue vencer os longos 3cm que separam seu pé do chão ao tentar descer da minha cama) me lembram vagamente que ele ainda é um bebezinho, mas fora isso, meu nenê virou mesmo uma mini-pessoa.

No avião ele já sabe o que fazer. Senta, coloca o cinto de segurança, abre sua mesinha, coloca seus pertences e começa a se entreter. No restaurante, pega o menu e fica lendo: arroz, feijão, A, B, C...até achar todas as letras e quando o garçom chega ele sempre pede:
- Arroz e feijão, sil-tu-plait.
Por alguma razão os garçons sempre dão uma risadinha e o ignoram, essa gentinha.
Dia desses, eu no telefone, perto da hora da janta, ele brincando quando chega perto de mim e anuncia:
- Eu tô com fome.
Eu faço que sim com a cabeça, mas continuo no telefone. Ele espera um pouco e volta:
- Mamãe, eu quelo comidinha.
Eu interrompo a ligação e tento ensinar virtudes como a paciência:
- Você pode esperar um pouquinho?
- Posso.
Espera dois segundos, então coloca as duas mãos no meu rosto, bem terno e paciente (ele sempre coloca as duas mãos no rosto da gente pra falar coisas "sérias" e pra dormir, uma delícia) e pronuncia categórico:
- Ponto. Agola eu quelo comê comidinha. Faz comidinha pa mim mamãe, pô favor??
Sem escapatória, levanto, ainda ao telefone, e vou passar um patê de tofu em um pão, a fim de ludibriar a criança enquanto acabo a conversa. Vendo o que se desenrola, o menino puxa minha roupa e diz com a cara mais indignada do mundo:
- Eu não quelo pão! Eu quelo comidinha! Berinjela, arroz, feijão, milho...

Tá certo que se fosse grande mesmo ele iria lá na geladeira e preparava seu próprio rango, mas pera lá: berinjela, arroz, feijão e milho??Que criança tem o menu da janta assim, na ponta da língua? Eu criei um monstro...e lá fui eu, desligar o telefone e preparar uma comidinha ao gosto do cliente. Depois disso dei pra ele papel e caneta e falei pra escrever logo o menu da semana inteira, para facilitar minha vida. Ele escreveu uns "T"s , uns "A"s e desenhou uns círculos, suas novas produções gráficas, e me entregou o papel, satisfeito.

Outro dia coloquei um pijama novo e ele, que está dormindo na nossa cama temporariamente, solta todo sorridente:

- Nossa mamãe, que bonita! É pra dormir com o nenê?

Fala sério, homem que repara em pijama novo e ainda elogia?? Já vejo a fila de candidatas na porta de casa. Só não sei se elas vão concordar em fazer arroz, feijão e berinjela todo dia, se bem que ele também adora brincar de comidinha e me ajudar na cozinha, então tudo está resolvido...meninas, mandem seu CV porque do jeito que a coisa anda, daqui uns 2 meses vou estar emprestando a chave do carro.

6 comentários:

Mrs. Bee disse...

que lindo, vamos ter que arranjar o casorio dele com a Sara...

***TATTY* disse...

Que negócio é esse de mandem os CV? A Sophia já tá na fila...kkk...
A berinjela, acho que ela vai ficar devendo, mas ela é fã de fejão, aoiz e caninha...(arroz, feijão e carninha, caso tenha ficado alguma dúvida! kkk)
Ela só come legumes na mamadeira (tipo, mamadeira doce de abóbora, cenoura, nhame....sei lá...quase tudo) adora, acho que eu que estou criando um montro...kkk
Vc tá mais pra: "Essa criança existe?!" kkk
PS: Vi o título e achei que a neném tinha nascido....kkk....

Deby disse...

Keiko! Que coisa mais fofa!!
Ele virou um homenzinho.
Lindo!! E o que é aquilo de "sil-tu-plait"??? Um cavalheiro!!!
bjinho pro Fofozack

Paula disse...

Nossa, que pena que eu não posso mandar o CV... eu seria desqualificada pelo quesito "idade". Se eu tivesse uns 2 anos de idade, com certeza mandaria.

Camila Novais disse...

Gente, que baby, ops, mini-pessoa incrível é essa??? Ô, meu Pai!!!

Lilian disse...

O meu Linton é assim também, elogia bastante, mas também, se vc não tiver tomado banho, ou comido cebola, na hora ele tasca um "you stink mama" (eu sei, o inglês tá dominando aqui, ai ai).

Agora o que mais me impressionou foi ele pedir beringela. o menino come de tudo mesmo? tou MORRENDO De inveja!